sexta-feira, novembro 19

Advento - Tempo de Espera. Mas o que esperar?

 


Com toda certeza você já ouviu em algum momento de sua vida que o Advento é tempo de espera, acertei?


Mas o que de fato se espera? O que se espera? Quem se espera?


Pensa um pouco comigo. O Advento ocorre logo após o Finados. Naquele momento em que você naturalmente se olha para o passado, reverencia aqueles que partiram. E agora, o Advento te convida a olhar para o futuro, para o nascimento. Esperamos "aquele que vem"


As velas simbolizam a Luz. Luz que ascenderá para nos tirar da Escuridão. 


É um momento de deixar a Luz brilhar e te religar ao divino. A cada semana desta espera, um convite novo é feito para que cada um de nós possamos mergulhar profundamente em desabrochar nova percepção de vida.


O que Ele te trará? Depende de você! 


Venha para a Jornada Natalina!

Inscrições no link aqui ó: https://bit.ly/JornadaNatalina


Vamos juntas nesta espera!


Elaine Cunha

Contadora de Histórias


#jornadanatalinacaminhandocontando #jornadanatalina #historiasdenatal #advento #caminhandocontando #contadoradehistorias


quarta-feira, novembro 17

Jornada Natalina - Histórias para aquecer o coração


Imagina que exista um grande plano para ficarmos cada vez mais distante do real sentido do Natal?
Mas tudo pode mudar. Deixe a Luz entrar e prepare o seu coração. Tudo depende de você!
Venha para a Jornada Natalina!
Serão 4 semanas de histórias para que possamos fazer juntos este caminho até Belém, até o nascimento de Jesus.
Acesse o link para fazer a sua inscrição http://bit.ly/JornadaNatalina
Aguardo você! Vamos juntos?



Elaine Cunha
Contadora de Histórias.

sábado, novembro 13

Jornada Natalina tá no ar!

 


Aqui em nossa familia, o Natal sempre foi um momento especial. Eu cresci numa familia que sempre comemorou muito.


Quando Pedro, meu filho de 9 anos, nasceu eu continuei esta tradição familiar. Luzes, enfeites, mesa farta... Era verdadeiro evento. Muito ruídos e interferências exteriores, das incontáveis atividades e compromissos dessa época do ano. Assim, percebi que precisava encontrar momentos de silêncio e de reflexão, para que a comemoração do nascimento de Jesus traga-nos também a luz e o renascimento interior. Jesus como Luz no mundo.

O Natal que nos traz sentimentos como a fraternidade, o amor, a compaixão, a solidariedade, a simplicidade, e não acontece nas cores e brilhos externos, mas no interior de cada um.

Como acredito no poder transformador das histórias, criei algo completamente diferente de tudo o que já fiz. Quis fazer algo especial para você e sua família que estão comigo no Caminhando e Contando. Fiquei com isto vários dias em meu coração até que nasceu:
"Jornada Natalina - Histórias para Aquecer o coração". Ano passado foi lindo. E este ano, vamos juntos novamente.

A "Jornada Natalina - Histórias para aquecer o coração" será um momento de criar novas memórias afetivas com sua família através das histórias escolhidas a dedo para te emocionar. As histórias levarão vocês ao encantamento da preparação da chegada do Nascimento de Jesus. Histórias narradas com meu jeitinho: de forma bem intimista. As histórias que nos nutrirão com os sentimentos de Paz, Família, Amizade, Fé, Amor... E tantos outros sentimentos. Vamos brilhar a Luz do Menino Jesus em nossos corações!

Estaremos junto durante todo o Advento. Serão 4 semanas ouvindo histórias especiais para neste momento. Ao todo, serão 12 histórias +atividades para despertar o verdadeiro sentido do Natal!

Marque aqui um amigo para fazer a Jornada com você!
Faça sua inscrição! Acesse o link aqui


Aguardo você!

Elaine Cunha
Contadora de Histórias


sexta-feira, novembro 12

Natal é momento de conexão!


 Natal!

Pra mim, uma das mais belas comemorações em família. As luzes me encantam. Presépio me mostra a simplicidade do nascimento do Mestre. Árvore pelo forma singela de me lembrar que temos poder de florescer e iluminar...
Bem verdade que hoje, cada vez mais cedo, os centros comerciais já mostram que o Natal está chegando. E isto muitas vezes nos desconecta do real sentindo do Natal.
Desde que Pedro começou a participar mais dos preparativos em nossa casa, tudo mudou.
Eu busquei histórias especiais que nos levassem a refletir sobre este momento e também preparar nossa casa interna, nosso coração, para o nascimento de Jesus.
Era o início da Jornada Natalina em meu coração. Ano passado, lancei pela primeira vez e foi maravilhoso. Histórias especiais, atividades para preparar nosso cantinho e tudo isto de forma leve.
Quer fazer a Jornada Natalina comigo?
Amanhã, trago mais detalhes!
Bora acender a Luz do Natal em nosso coração?!
Elaine Cunha
Contadora de Histórias

quinta-feira, novembro 11

Contato ou Conexão: uma história sobre o que importa

 



Um monge estava sendo entrevistado em Nova York. O jornalista perguntou:

Em sua última conferência, o senhor falou sobre o tema: "Contato e Conexão". Poderia explicar melhor

O monge sorriu e respondeu:

- Você é de Nova York?

- Sim...

- E quem está na sua casa agora?

O jornalista sentiu que o monge estava tentando evitar a questão com perguntas pessoais e injustificadas. Mesmo assim respondeu:

- Minha mãe morreu, meu pai está lá sozinho. Tenho três irmãos e uma irmã, todos casados.

O Monge insistiu:

- Você está falando com seu pai? Quando falou com ele pela última vez?

O jornalista, reprimindo seu aborrecimento, disse:

- Talvez há um mês.

O monge voltou a perguntar:

- E com seus irmãos?

Eles se frequentam com frequência? Quando você se encontrou pela última vez com um membro da família?

Parecia que o jornalista é quem estava sendo entrevistado. Com um suspiro, ele explicou:

- No Natal dois anos atrás.

E por quantos dias ficaram juntos?

-Três dias...

- E ... Quanto tempo você passou com seu pai, sentado ao lado dele?

O jornalista, confuso e envergonhado, começou a rabiscar algo em um pedaço de papel ...

- Vocês tomaram café da manhã, almoçaram ou jantaram juntos? Seus irmãos perguntaram como ele estava? Ou como você passou os dias após a morte de sua mãe?

Lágrimas escorriam dos olhos do jornalista.

O monge segurou-lhe a mão e disse:

- Não fique constrangido, chateado ou triste. Lamento ter magoado você sem saber, mas esta é basicamente a resposta para sua pergunta "contato e conexão". Você tem "contato" com seu pai, mas não tem nenhuma "conexão" com ele. Você não está "conectado" a ele. A "conexão" é entre coração e coração: sentar junto, compartilhar refeições, cuidar um do outro, tocar, apertar as mãos, encontrar os olhos um do outro, passar tempo junto... Você, junto com seus irmãos e irmã, tem "contato", mas nenhuma "conexão". Esta é uma realidade: Seja em casa ou na sociedade, todos temos muitos “contatos”, mas pouca “conexão”. Estamos todos ocupados em nosso próprio mundo. Cuide, compartilhe e passe o tempo com seus entes queridos, familiares e amigos. Este é o mundo que devagar estamos escolhendo!!!  Ainda dá tempo para ser diferente. Sempre é tempo!

(Desconheço Autor)


Uau. Esta é aquela historia que mexe com nosso mundo interno, não é? Eu li e fiquei pensando nela... Em quantos contatos em tenho e em quantos contatos eu sou. 😂 Por sanidade mental, se faz necessário ter prioridade em quem é uma coisa ou outra. Perguntas para você refletir: 

Quem você escolheu ter conexão? Será que esta colocando sua energia em quem realmente importa e criado relaçōes conectadas com o que de fato faz seu coração vibrar?

Foi pensando em criar conexão que criei a "Jornada Natalina - Histórias para aquecer o coração". E amanha, te conto mais! 


Elaine Cunha

Contadora de Histórias